sexta-feira, novembro 27, 2009

Dicas de Tecnologias em Sala de Aula:GoogleMaps

É possível trabalhar em várias disciplinas com a garotada, através do Google Maps(Google Mapas).
Em Geografia e História, pode-se discutir os vários aspectos de uma localidade, conforme disponibilização de vídeos, fotos, dados do wikipedia e até de webcam (caso a localização tenha esse recurso).

Em Matemática pode-se discutir questões e problemáticas referentes à distância (há o recurso DE ONDE - PARA ONDE tanto de ônibus, a pé ou de automóvel...)

Em Linguagem é possível discutir argumentativamente em redações sobre a questão ecológica, o 'verde' do entorno da localização, etc.

Um outro recurso fantástico do Google Maps é a disponibilização de recurso em que você pode "estar" próximo, digamos assim, da localidade que você procura, ou visualizar como se estivesse na rua da localização com imagens de perspectivas diversas. Exemplos de lugares que disponibilizam tais recursos é a Casa Branca (EUA) ou o Vaticano...quando aparecer este 'boneco' laranja acima da ferramenta de zoom, pronto, você pode arrastar para a uma rua específica e veja o que acontece (Localizei Casa Branca)

E então temos a imagem da rua, com a opção de se visualizar de frente, de trás e nos ângulos disponíveis...

Assim, você poderá dar um zoom na rua da direção de frente para o carro branco...ou visualizar a rua na direção atrás do carro branco, ou ainda na direção ao lado do carro branco...também poderá dar um zoom no prédio ao lado do carro branco...e conhecer detalhes.

Ao mesmo tempo que encanta, vale aqui relembrar minha ideia da Matrix em que vivemos...pois é também assustador que alguém possa estar nos observando agora, de algum lugar, analisando nossos movimentos, em nossa casa...é assim que funciona na guerra tecnológica: os alvos são quase sempre certeiros...

Bem, uma dica é conhecer o Vaticano e as ruas do entorno...uma 'viagem' incrível, sem sair de casa. Isso é que é tecnologia da web e web 2.o!

quarta-feira, novembro 25, 2009

No Encontro do LAIV em Recife

Com o meu orientador Luciano Meira e a equipe do LAIV (Laboratório de Análise Interacional e Videografia) da UFPE...

Luciano Meira fez apresentação das pesquisas realizadas com vídeo sob a metodologia da Análise Interacional e as meninas superpoderosas apresentaram suas discussões:
- Carol
- Silvia
- Pompéia
- Fabiana

Foi um ótimo encontro!

quarta-feira, novembro 18, 2009

INTERAÇÃO HUMANA pesquisa e aplicações práticas da Análise Interacional

Estarei participando do evento do LAIV (Laboratório de Análise Interacional e Videografia), grupo de pesquisa da UFPE do qual sou participante como doutorando em Psicologia Cognitiva.

O evento contará com a presença do meu grande orientador Luciano Meira (irmão do cara aí do post anterior, isso mesmo, Silvio Meira) e de Jorge Falcão, ambos da Psicologia Cognitiva, além da boa turma do LAIV (Flávia, Pompéia, Henrique, etc.).

Aqui o endereço lá do Auditório da UFRPE...em Dois Irmãos...

Auditório da Pró-Reitoria de Extensão/Ufrpe

Rua Dom Manoel de Medeiros, s/n. Dois Irmãos. CEP: 52171-900.

Roteiro
Pela Av. Dezessete de Agosto, sentido Dois Irmãos, siga até cruzar a BR 101, por baixo do
viaduto. Passe a fábrica do Lafepe à esquerda e a Praça Farias Neves à direita, em frente ao
zoológico. Siga pela avenida, realize a curva à direita e entre à direita na primeira guarita.

Se você for pela BR 101 (sentido João Pessoa) é preciso fazer o retorno próximo aos indicadores de Dois Irmãos...é só seguir as placas (UFRPE, Dois Irmãos)...

Neste evento, estarei apenas como participante!Discutiremos as metodologias empregadas no uso de vídeos para pesquisa.

terça-feira, novembro 17, 2009

Silvio Meira e o nível Beta da humanidade...

Pois é, pois é...o grande cientista nosso, Silvio Meira, cientista-chefe do CESAR (Centro de Estudos e Sistemas Avançados do Recife), afirmou em palestra recente realizada em São Paulo no TEDx, sábado dia 14 de novembro, que a ideia geral de perfeição, por conta desse novo modelo de aprendizado (contínuo, de competição, de colaboração) "vai tornar o mundo em modo beta para sempre, com tudo feito pela colaboração.

E esse é o mote essencial das redes sociais, onde vamos viver para sempre", explicou.
"Sempre vivemos assim, sempre fomos colaborativos, gregários, conectados, fomos de redes sociais a vida toda. A única diferença agora é que existe um suporte virtual para isso".


Meira disse que tudo isso vai levar a um futuro onde o centro perde poder e cresce a periferia, já que "as oportunidades de aprendizado se espalham pela rede".
Não é por acaso que estamos também transformando o Orkut, por exemplo, em ambientes de aprendizagem, adaptando os espaços e limites para apredermos continuamente...é a web 2.0!!!

Fonte: Terra (Zumo Notícias) via newsletter do NEHTE

quarta-feira, novembro 11, 2009

Jornal do SENAI PE a informação sobre a palestra do ORKUT

No site do SENAI PERNAMBUCO, saiu hoje a notícia da palestra realizada no SENAI de CARUARU, onde apresentamos as experiências pedagógicas com o ORKUT...Vejam no site: http://www.pe.senai.br/noticias/noticias1.html
videoBreve apresentação do trabalho realizado nas IES: FAFICA e UFPE, utilizando o ORKUT como plataforma virtual de aprendizagem, complementando as atividades de sala de aula. O que realizamos foi a extensão da sala de aula para o ambiente virtual, permitindo flexibilidade de realização de atividades pelos alunos e alunas, não foi a substiuiçõa da aula presencial pela virtual pela EAD...na verdade, o Orkut tem as suas limitações e não foi criado para o desenvolvimento de atividades educacionais, no entanto, nós recriamos estes espaços atualmente.

No VIII Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão da FAFICA

E finalizando este ciclo de apresentações de trabalhos científicos...ufa! Ontem estive discutindo com alunos e professores, o resultado de pesquisa sobre a Disciplina de Tecnologias nos cursos de Pedagogia no Brasil.

A pesquisa tomou como base a investigação de TCC de uma aluna da FAFICA (Vanessa Minzé) sobre a formação docente nas NTIC em Pedagogia...A partir deste enfoque inicial, encontrei novos referenciais como Gati e Barreto (2009) em seu livro PROFESSORES NO BRASIL: IMPASSES E DESAFIOS e Maria Assunção Freitas (2009) com seu livro CIBERCULTURA E FORMAÇÃO DE PROFESSORES.

A temática é preocupante, porque num momento como esse em que vivemos, mergulhados em tecnologias sempre novas e emergentes, observamos que a formação inicial de professores de Pedagogia e Licenciaturas apresenta lacunas com referência às discussões e práticas pedagógicas sobre as NTIC. Tanto na pesquisa de Minzé (2009) quanto nas pesquisas de Gatti e Barreto (2009) observa-se uma ausência de disciplinas de Tecnologias ou mesmo, quando presentes nas matrizes curriculares, uma carga horária desfavorável para o desenvolvimento de práticas e discussões teóricas mais profundas a respeito.

Referenciais:

FREITAS, Maria Teresa de Assunção (org).
Cibercultura e formação de professores. Belo Horizonte:Autêntica Editora, 2009.

GATTI, Bernardete; BARRETTO, Elba. Professores no Brasil: impasses e desafios. Siqueira de Sá. Brasília: Unesco, 2009a.
Disponível para download em: http://unesdoc.unesco.org/images/0018/001846/184682POR.pdf

MINZÉ, VANESSA SUDÁRIO MINZÉ. A Formação de Professores para o Uso das NTIC. Trabalho de Conclusão de Curso em especialização em Gestão e Coordenação Pedagógica, sob a orientação do prof. Robson Santos. FAFICA, 2009.

sábado, novembro 07, 2009

No I Encontro Senai de Educadores

Apresentando no I Encontro do Senai de Educadores, em Caruaru, a experiência pedagógica com uso de Orkut, informando sobre outros exemplos trazidos do III Encontro de Hipertexto em Belo Horizonte. No evento, muito bem organizado, foi apresentado o Orkut como ambiente virtual de aprendizagem (AVA), considerando-se, evidentemente, as suas limitações.

Em Caruaru, a Escola Josélia Florêncio, realiza experiência de Língua Portuguesa (Língua Portuguesa 7º e 8º ano), com o Orkut na Comunidade
http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=93340262

Além da comunidade, as professoras criaram um perfil individual (Português 7º e 8º ano)
http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=9586039901969112449

A experiência coincide com o trabalho de Helen Faria (III Encontro do Hipertexto), pois utiliza um perfil individual com uma característica coletiva (Escola, Disciplina, Curso). Isto é significante, porque demonstra como as pessoas (professores e professoras) estão utilizando a interface do Orkut para a experiência educacional.

No III Encontro do Hipertexto em BH

Enfim, apresentando a experiência pedagógica com o Orkut em Instituições de Ensino Superior para grupo de pesquisadores que também realizam estudos sobre a famosa rede social da Internet, no Brasil (Orkut).

O encontro foi fantástico porque permitiu a socialização das diversas perspectivas sobre o uso pedagógico e também sobre a usabilidade linguística nos gêneros emergentes na Internet, principalmente no Orkut.

Enquanto alguns apresentaram estudos sobre a linguagem nos Fóruns do Orkut, outros como Helen Faria, Bárbara Gallardo e Benedito Gomes, e eu, apresentamos as experiência já bem sucedidas neste ambiente virtual.

Na foto ao lado, no CEFET em BH!


Helen Faria, por exemplo, trouxe a experiência usando o perfil individual do Orkut onde é possível trabalhar com os vídeos e os aplicativos...mais de 5000!!!


Os estudos prosseguem na área...pensamos em escrever um livro com a coletânea dos artigos!

Na Jornada do SBPC em Caruaru, UFPE

Apresentando experiência pedagógica com BLOG e YOUTUBE em sala de aula, na Jornada do SBPC. Na foto ao lado, com a professora Dalcinete, presente no evento.

Discussões sobre o uso das tecnologias no ambiente pedagógico.

A Internet é decorrência de um movimento migratório das pessoas para o mundo virtual...Colocamos textos, imagens e sons nesta interface.

Nesta apresentação demonstro o movimento inverso: da Internet para a sala de aula. Como trabalharmos textos, imagens e vídeos nas disciplinas, com os recursos disponibilizados dos Blogs e do Youtube? É uma atividade de letramento digital.

Nos Blogs, realizamos a leitura e escrita na Internet, navegamos em vários deles em pesquisas temáticas. Também, num nível e com um tempo maior disponível, podemos criar os blogs, realizando intensamente a WEB 2.0: escrevendo comentários, opiniões, divulgando suas ideias, interagindo com outros usuários da rede, etc.

No Youtube, podemos não apenas realizaer pesquisas temática de vídeos : palestras, entrevistas, recortes de filmes, propagandas, vídeos amadores, etc; também podemos criar vídeos, disponibilizando-os na Internet.

O evento foi importante por compartilhar a experiência pedagógica com uso de tecnologias.

domingo, novembro 01, 2009

I Encontro SENAI de Educadores

Na próxima semana no I Encontro SENAI de Educadores, apresentando a experiência com o Orkut com AVA:Ambiente Virtual de Aprendizagem, acrescida das novidades do III Encontro de Hipertexto em Belo Horizonte, claro!!!
Até lá...

Assuntos do HIPERTEXTO 2009

Júlio Araújo apresentando seus trabalhos na área de hipertextualidade, ao analisar um Fórum de estudantes de mestrado e doutorado.
Os estudos apresentados foram variados, desde os games na Educação à utilização do Orktu em Ambientes de Aprendizagem.

O grupo em que eu estava: Orkut e Youtube foi enriquecedor pelo fato de serem apresentados vários trabalhos tanto no estudo da linguagem do Orkut quanto de sua aplicabilidade no contexto da Educação.

O trabalho de Helen de Oliveira Faria sobre "Orkutando na sala de aula: a rede social Orkut e o ensino de língua inglesa" foi muito enriquecedor, apresentando sua pesquisa e ao mesmo tempo experiência ao utilizar o Orkut tanto na Comunidade quanto em seu próprio perfil como ambiente de aprendizagem. No perfil do Orkut (página pessoal) ela apresentou as outras possibilidades: aplicativos, chat e vídeos.

Muito bom...porque tivemos convite para publicação de livro tratando da temática recente.
Eu na palestra inaugural com Ilana Snyder (Monash, Austrália) discutindo as temáticas do Encontro...
O evento foi um sucesso...próxima estação: Sorocaba, 2011.

Para 2013 pensam em Salvador!

Retornando com mala cheia de livros e muitas novas ideias para prosseguimento das pesquisas!